Black Friday e Copa do Mundo: como esse período impacta o e-commerce

Black Friday e Copa do Mundo qual a relação entre eles

A Black Friday, evento muito aguardado pelo comércio, vai acontecer durante o período da Copa do Mundo neste ano. Visto que os dois eventos nunca aconteceram na mesma época, e ambas as datas movimentam o varejo, é importante realizar um planejamento estratégico para a ocasião.

Com a estreia da seleção brasileira acontecendo nas vésperas da Black Friday, o comportamento do consumidor ainda é uma incógnita. Especialistas esperam que os clientes mudem o padrão de compra para focar a atenção nas partidas. A seguir, você vai ver as melhores estratégias para implementar no seu negócio nesta Black Friday!

Quais produtos podem ter aumento da procura durante a copa?

Conhecer o seu público-alvo e o cenário em que ele está inserido é fundamental para criar estratégias certeiras e gerar mais vendas. Além de analisar o mercado e as tendências de consumo, é importante encontrar um padrão de comportamento nos dois eventos.

Historicamente, no período antes e durante a Copa do Mundo, há uma maior procura por aparelhos de televisão e equipamentos de vídeos, perdendo intensidade logo após aos jogos da seleção. Nesta lista também estão incluídos produtos de esporte e lazer.

Outro nicho que apresenta grande crescimento no período da copa é o de comidas e bebidas e acessórios, seguido por celulares e produtos de limpeza, na fase pós-jogos.

Uma pesquisa realizada pela Globo no segundo semestre deste ano aponta que 72% das pessoas possuem a intenção de comprar durante a Black Friday. Influenciadas pelo campeonato mundial, essas pessoas têm uma maior preferência por roupas, acessórios e artigos eletrônicos.

Empresas que comercializam tais produtos devem criar uma campanha voltada para a geração de desejo, com uso de gatilhos mentais e criação de impulsos de compra.

Como encaixar uma estratégia focada em Black Friday?

Neste ano, a Black Friday ocorrerá oficialmente no dia 25 de novembro. O desafio, neste momento, é criar uma estratégia eficiente para aproveitar o melhor que a Copa do Mundo e a Black Friday juntas têm a oferecer.

Para te ajudar, trouxemos algumas dicas de como transformar seus produtos em objetos de desejo, garantindo o sucesso nas suas vendas.

1. Selecione os produtos promocionais e organize o estoque

Durante a Black Friday, o cuidado com o estoque precisa ser redobrado, e nesse momento histórico não deve ser diferente para que o sucesso de vendas e a satisfação dos clientes sejam garantidos.

Após decidir a estratégia promocional que será abordada pela sua empresa, é hora de definir os produtos participantes, as suas quantidades e quais os descontos que serão aplicados. Contudo, o mais importante é que os descontos sejam reais e irresistíveis. Dessa forma, você evita uma fama negativa e fideliza clientes.

Qualquer que seja a sua estratégia de vendas nesta Black Friday — frete grátis ou descontos exclusivos para membros, por exemplo — o seu estoque deve ser gerenciado de maneira correta. É preciso prever e identificar a necessidade de reposição de produtos com base no volume de vendas. Nesse sentido, existem diversas ferramentas de gestão disponíveis para o varejo e indústria, com funções indispensáveis e diversos benefícios. Organizar o estoque é uma prática de suma importância na gestão do e-commerce

2. Aposte em boas descrições dos produtos

Tenha em mente que os consumidores possuem diferentes motivações na hora de fazer compras durante a Black Friday. A maioria está à procura de algo para si, seja um ítem de desejo ou de necessidade pessoal. Por conta disso, aposte em ofertas personalizadas e atraentes para esses clientes.

Ofertas personalizadas falam diretamente com os clientes e têm um poder maior de gerar vendas. Ao conhecer bem o seu público, fica mais fácil oferecer aquilo que o consumidor realmente quer no momento.

Durante todo o período de vendas, aproveite o meio digital para expor os seus produtos com o máximo de informações possível, apostando na criação de conteúdos e no detalhamento das descrições.

Fotos e vídeos mostrando os diferentes ângulos dos seus produtos podem despertar o desejo da sua audiência, além de diferenciar sua empresa das demais concorrentes.

3. Esteja atento ao pico de acessos da loja virtual

Certifique-se de oferecer uma excelente experiência de compra no ambiente virtual para o seu cliente. Nesse período, onde os gatilhos de urgência são ativados, nada mais frustrante do que não conseguir finalizar uma compra devido à instabilidade da plataforma.

Imagine passar por toda a preparação do seu negócio para atrair clientes durante a Black Friday, e no momento mais importante, o da venda, tudo ir por água abaixo, pois o seu site não suporta uma grande quantidade de acessos simultâneos. Isso não pode acontecer com a sua empresa.

Tenha a atenção de usar os artifícios necessários para evitar problemas como este na sua loja e surpreenda seus clientes com uma experiência de compra tranquila e satisfatória.

4. Acompanhe as movimentações e analise os resultados

Em 2021, durante a Black Friday, o meio virtual se destacou por ser o mais procurado pelos consumidores para a realização de compras. Sabemos que a pandemia do COVID 19 mudou de forma irreversível o comportamento de compra de toda a população, e as lojas online ganharam grande relevância na economia mundial. E este ano não será diferente. 

Acompanhe e monitore a disponibilidade de produtos e suas alterações de preços em tempo real. Esta atitude te ajudará a tomar decisões mais certeiras com base nas suas estratégias definidas, além de permitir uma mudança rápida nos planos, caso os resultados não sejam como o esperado.

Após o período da Black Friday, analise os resultados das suas estratégias aplicadas para saber o que funciona ou não no seu negócio, e assim, poder fazer os ajustes necessários para os próximos anos.

Contar com uma agência de marketing digital pode ser de grande valia para aumentar as vendas do e-commerce. Por meio de uma consultoria, é possível melhorar os resultados do negócio e fazer isso por um longo tempo, proporcionando fidelização do cliente, bem como receita certa e previsível. 

Como vimos, a Copa do Mundo e Black Friday estão de mãos dadas este ano, prontas para alavancar as suas vendas. Os eventos, que de forma inédita estão ocorrendo no mesmo período em 2022, são velhos conhecidos dos consumidores, que esperam as datas para gastar um pouco mais. Por isso, não economize no planejamento estratégico na hora de garantir a sua fatia de vendas utilizando as nossas dicas. 

Para mais conteúdos como este, assine nossa newsletter e fique por dentro das melhores dicas para o seu negócio!

Rodolfo Alves

Escrito por:
Rodolfo Alves, VP Business Development and Partner
at Corebiz

Serviço de otimização de conversão (CRO)