Implementação do Google Analytics 4 na VTEX: como unir a plataforma às capacidades analíticas do GA4  

Em 2020, o Google lançou o Google Analytics 4, também conhecido como GA4, introduzindo uma nova era na análise de dados. Os usuários da ferramenta já podem migrar para aproveitar as novidades do GA4 que prometem impactar o desempenho de seus sites.

Para as lojas virtuais que estão na plataforma VTEX, o processo de migração para a nova versão do Google Analytics segue um conjunto de etapas simples. No entanto, é importante entender algumas características sobre as novidades do GA4 e sobre sua própria loja virtual antes de dar os primeiros passos.

Continue a leitura para entender o passo a passo de como configurar o GA4 na sua loja VTEX e o que o seu negócio tem a ganhar com esse processo!

O que é o GA4?

O GA4, ou Google Analytics 4, é a mais nova versão do Google Analytics, a ferramenta de análise de dados oferecida pelo maior mecanismo de buscas da internet. Ele veio para substituir o Universal Analytics, que era o padrão das propriedades da ferramenta nos últimos anos, e traz consigo uma série de inovações.

Uma das mudanças no GA4 é a capacidade de coletar dados de sites e apps em uma única plataforma. Isso significa que, agora, é possível obter uma visão abrangente da jornada do consumidor, independentemente de onde eles interajam com a marca.

Além disso, o GA4 adota um novo modelo de eventos, substituindo as tradicionais sessões. Isso significa que cada interação do usuário, desde a visualização de uma página até a realização de uma compra, é registrada como um evento separado. Essa organização oferece uma visão mais detalhada e personalizada do comportamento do usuário.

Outra mudança importante está no controle de privacidade. Com a crescente preocupação com a privacidade dos usuários, o GA4 adota uma abordagem de medição sem o uso de cookies de terceiros, o que ajuda a manter a conformidade com regulamentos de privacidade, como a LGPD.

O GA4 também introduz recursos avançados de comportamento e estimativas de conversão. Agora, você pode entender melhor como os usuários interagem com seu site ou aplicativo, identificar tendências e oportunidades de otimização, bem como prever o desempenho futuro com base em dados históricos.

Por fim, mais uma novidade que merece destaque é a vinculação direta com sites de mídia, como o YouTube, por exemplo. Isso permite rastrear e analisar de forma mais precisa como o conteúdo de vídeo está impactando o envolvimento e as conversões dos usuários.

Podemos dizer que o Google Analytics 4 traz uma série de melhorias em relação à versão anterior. Então, se ainda não fez a transição para o GA4, não perca tempo e tenha acesso a uma análise de dados mais avançada sobre a sua loja virtual.

Como configurar Google Analytics 4 em loja VTEX?

Se você possui uma loja virtual na plataforma VTEX e deseja configurar o Google Analytics 4 para rastrear dados e obter novos insights, será preciso seguir duas etapas. Veja logo abaixo:

1- Configurar o Google Analytics 4

Para os sites que já utilizavam a versão anterior do Google Analytics (Universal Analytics), o primeiro passo é adicionar uma propriedade do GA4. O próprio Google disponibiliza um guia sobre como realizar essa etapa.

Caso a sua loja não tenha a versão anterior do Google Analytics configurada, você precisará iniciar do zero, criando uma conta no Google Analytics. Em seguida, siga as instruções do Google para configurar uma nova propriedade do GA4 e siga as etapas específicas para integrá-la ao seu site VTEX.

2- Configurar o Google Tag Manager

Feitas as configurações necessárias em sua conta do Google Analytics, o próximo passo é configurar o Google Tag Manager para detectar os eventos em sua loja. O Google Tag Manager é um sistema de gerenciamento de tags desenvolvido pelo Google, que permite gerenciar tags JavaScript e HTML usadas para rastreamento e análise de sites da web.

Na plataforma VTEX, a integração com o Google Tag Manager é nativa, o que torna o processo de implementação mais simples.

Qual é a importância de migrar para o GA4?

Se ainda não fez a migração para o Google Analytics 4, é hora de entender por que essa mudança é necessária. Segundo informações publicadas pelo próprio Google, desde 1º de julho de 2023, as propriedades padrão do Universal Analytics (UA) pararam de processar os hits (interações dos usuários com o seu site que geram dados para o Google Analytics).

Isso significa que qualquer dado adicional não está sendo processado e as lojas virtuais que não fizeram a migração podem sofrer com a perda de informações importantes. Isso já é um alerta claro de que é hora de considerar a migração para o GA4.

Além disso, vale destacar que todos os clientes perderão o acesso à interface e à API Universal Analytics a partir de 1º de julho de 2024.

Por isso, o Google recomenda fortemente que os usuários exportem todos os dados que já foram processados pelo Universal Analytics antes dessa data de encerramento. Assim, não haverá perda de dados para análises e estratégias futuras.

Aproveite as oportunidades que o Google Analytics 4 proporciona e faça a migração agora. Este é o momento de elevar sua estratégia de análise de dados e, consequentemente, melhorar a eficiência e o sucesso de seu negócio online.

Caso ainda esteja com dúvidas sobre o assunto, baixe agora mesmo nosso e-book com o tutorial detalhado de como implementar o GA4 na sua loja VTEX!

Escrito por:
Igor Souza, Head de CRO
at Corebiz