Google Analytics 4: os desafios para o e-commerce

Google Analytics 4 os desafios para o e-commerce
Banner Retail Media para e-commerce

O Google Analytics 4 (GA4) é a mais recente versão das ferramentas de análise de dados do Google, oferecendo muitas novas maneiras para os usuários aumentarem o desempenho dos seus sites e lojas virtuais.

O GA4 oferece recursos avançados que ajudam a medir e aumentar as conversões nas lojas virtuais, permitindo que os e-commerces obtenham insights valiosos sobre seu público-alvo. Porém, aproveitar esses recursos não é uma tarefa fácil.

Entender como usar o GA4 para e-commerce e como isso pode ajudar a aumentar a conversão é fundamental para alcançar o sucesso.

Nesse artigo, discutiremos os desafios que ele apresenta para as lojas virtuais e algumas dicas para melhorar as taxas de conversão utilizando o poder de análise dessa nova ferramenta do Google!

O que há de novo no Google Analytics 4?

A última versão do Google Analytics, o Google Analytics 4 (GA4), foi lançada em outubro de 2020 e já está disponível para uso. Ela vem com recursos e ferramentas aprimoradas, tornando o rastreamento de dados mais simples e eficiente.

O GA4 agora gera uma análise mais completa das ações do usuário, fornecendo insights detalhados sobre como as pessoas interagem com os sites. Além disso, ele oferece novos recursos para análise de comportamento do usuário, conexão com o Google Ads e previsão de desempenho, ajudando as empresas a gerar mais receita.

O rastreamento de eventos avançado permite que uma loja virtual monitore melhor as conversões, permitindo saber qual campanha está trazendo o maior retorno sobre o investimento. Ainda é possível analisar melhor os dados da concorrência para ter uma vantagem competitiva.

Quais são os principais desafios?

O Google Analytics 4 (GA4) trouxe muitas vantagens e melhorias para os e-commerces, mas também alguns desafios. Entre os principais estão a necessidade de usar ferramentas adicionais, como o Google Tag Manager, a complexidade da migração dos dados e a falta de recursos de segmentação.

Uso de ferramentas adicionais

Os dados do GA4 são armazenados em um modelo diferente do que era usado no Universal Analytics (UA), então é preciso usar ferramentas adicionais, como o Google Tag Manager, para garantir que todos os dados sejam coletados corretamente.

Migração complexa e com prazo

O caminho ideal dessa transição de ferramentas é migrar sem perder o histórico de dados da sua loja virtual. Então, é preciso exportar todos os dados da versão antiga enquanto eles ainda estão disponíveis por lá.

Acontece que a migração dos dados do UA para o Google Analytics 4 é complexa por exigir conhecimento profundo sobre as duas plataformas. Nesse sentido, vale contar com a ajuda de um especialista para realizar a migração até o prazo final — o UA é desativado em julho de 2023 e, depois disso, você tem até 6 meses para fazer a exportação dos dados.

Menos recursos de segmentação

Outro grande desafio do GA4 para e-commerces é que existem menos recursos de segmentação do que no Universal Analytics. Isso significa que é mais difícil classificar os usuários por segmentos como idade, localização ou dispositivo usado. Por isso, os e-commerces precisam encontrar formas criativas de obter informações detalhadas sobre seus usuários.

Além disso, é interessante estudar a interface, para que seu negócio consiga gerar bons relatórios, que sejam valiosos para traçar novas estratégias de otimização de conversão e tomar decisões mais acertadas.

Como superar os desafios da migração para o GA4?

A Corebiz tem um time de especialistas que pode ajudar você nisso. Temos um leque completo de serviços capaz de apoiar o seu negócio desde o lançamento até a evolução e melhoria de e-commerce. E desenvolvemos uma aplicação exclusiva para lojas VTEX que desejam realizar a migração para o GA4 de maneira eficiente e assertiva, com a configuração de eventos personalizados para atender diferentes camadas de análises dentro do e-commerce.

O Google Analytics 4 é uma ferramenta de análise de dados essencial para qualquer e-commerce que deseja aumentar suas conversões. Por outro lado, entender como usar o GA4 para gerir um e-commerce não é tarefa fácil; exige conhecimento prévio da área e muita atenção às novidades do mercado.

Por isso, recomendamos que você sempre continue acompanhando as novas tendências da área de análise de dados e conte com a ajuda de especialistas no assunto, como o time técnico da Corebiz, para guiar seus próximos passos. Agora que você já sabe como migrar para o GA4, aproveite agora para visitar o nosso site e conhecer mais as nossas soluções!

Escrito por:
Igor Souza, Head de CRO
at Corebiz